20 de fevereiro de 2019

    Dell mantém liderança da venda de computadores pelo 4º ano consecutivo

    Pelo quarto ano consecutivo, a Dell manteve a liderança do mercado brasileiro de computadores, com 25,2% do total de unidades vendidas durante 2018. Os dados fazem parte do relatório Brazil PC Tracker 2018Q4, da consultoria IDC, o qual aponta que a marca manteve também a primeira colocação nas vendas anuais de desktops (30,8%), 22,7% (notebooks) e workstations (58%).

    “Um em cada quatro computadores vendidos no Brasil durante o último ano era da marca Dell. O que representa uma liderança expressiva e reflete uma estratégia bem-sucedida da companhia de oferecer o melhor e mais completo portfólio do mercado brasileiro, combinado a inovações tecnológicas, capilaridade dos canais de venda – direta e indireta – e a preocupação de oferecer o melhor atendimento e suporte aos clientes, com garantias diferenciadas, atendimento preditivo e em domicílio”, afirma Diego Puerta, vice-presidente para consumidor final e pequenas empresas da Dell no Brasil. “Hoje oferecemos a melhor experiência do mercado aos clientes, sejam eles usuários domésticos, corporativos ou gamers”, conclui.

    Para 2019, a Dell reforça os investimentos no mercado de PCs. Para isso, no mercado de usuários domésticos, a marca planeja lançar equipamentos que tragam ainda mais funcionalidades voltadas a aprimorar a experiência dos usuários. Entre as novidades, a companhia planeja evoluções nas tecnologias Dell Cinema, que incluem recursos de software e hardware para filmes e séries, e também na Dell Mobile Connect, recurso que integra o smartphone e o PC do usuário.

    Entre os investimentos mais recentes no mercado de PCs, a Dell também ampliou sua oferta de equipamentos voltados ao mercado de pequenas e médias empresas, complementando uma família de notebooks e desktops Vostro com uma oferta de atendimento exclusivo e especializado para empresas do setor. “A Dell tem uma oferta única de produtos e serviços customizados para as PMEs. Estamos prontos para ser o parceiro de tecnologia ideal para o desenvolvimento do segmento no país”, conclui Puerta.